Esse texto foi escrito pela fundadora da Lhama.me, Raquel Camargo,  para o projeto do Sebrae intitulado Cidade Empreedora.

Arduino - inovação

Projeto propõe o uso de dispositivos eletrônicos para trabalhar questões climáticas

Você sabe quantos microclimas a sua cidade tem? Faz ideia de como está a saúde do meio ambiente da região onde vive?

Para oferecer respostas para essas questões a todos os cidadãos (e descentralizar as informações técnicas dos centros de análises climáticas), desenvolvedores de Lima decidiram botar para funcionar um projeto baseado no conceito de “internet das coisas” para monitorar e criar inteligência a partir do meio ambiente em tempo real.

O Lima I/O, projeto de Antonio Cucho, Renzo Arauco, Jordi Cook e Juan Peña foi o vencedor do desafio “Desenvolvendo América Latina”, em 2012, quando propuseram o uso de Arduino para trabalhar questões climáticas.


O sistema consiste em uma rede de dispositivos com sensores meio-ambientais a ser dispostos em várias partes da cidade. Estes dispositivos enviam informação através da internet e armazenam, categorizam e geo-referenciam o que foi recebido. Dessa forma, o Lima I/O oferece serviços de consulta aos cidadãos.

É possível ter acesso a dados como: – valores, mapas e gráficos do estado do meio ambiente em um site responsivo em HTML5, acessível a partir de tablets, smartphones e computadores; – consultas através de mensagens de texto SMS sobre a situação do meio ambiente da região escolhida; O projeto ainda oferece uma API aberta, que possibilita que qualquer programador use os dados e crie novos aplicativos e projetos. Veja aqui uma apresentação de Antonio Cucho sobre o projeto, em espanhol.

___

 

Saiba mais em Lhama.me

Somos um laboratório de interação e inovação.

Leave a Comment

Your email address will not be published.